• Siomara Campos

    Vocês são ótimos em abordarem esse conteúdo.
    Concordo muito com o que foi exposto.
    Parabéns pela abordagem, e obrigada pelas dicas.
    Abraços

    • http://advogadonocontrole.com.br/ Advogado no Controle

      Olá, Dra Siomara! Ficamos felizes em saber que você gostou do texto e em breve publicaremos mais posts sobre o tema para auxiliar principalmente os advogados que não possuem dinheiro sobrando para investir em agências de marketing ou publicações pagas nas mídias sociais. Até porque, como bem explicou a Camila Berni, essas ações típicas do chamado “marketing da esperança” não são as mais eficazes. Muito obrigado por seu comentário e conte sempre conosco! Um abraço, Conrado Machado

    • Camila Berni

      Oi Siomara!!! Obrigada pela sua participação!! Um beijo!

  • crypto four

    Esse post é um contrassenso. Todo marketing é fundamentalmente de esperança. E vocês só criaram um blog na esperança de gerar tráfego e atrair prospects. Ass: um suspect.

    • http://advogadonocontrole.com.br/ Advogado no Controle

      crypto four, a expressão “marketing da esperança”,a que se refere a Camila Berni, tem um significado específico entre os especialistas no assunto: é basicamente a ação de marketing feita sem saber ao certo o retorno que ela produzirá para quem a promoveu. É aquela esperança do aluno que não estudou nada para a prova mas espera tirar uma nota boa. Um exemplo simples desse tipo de marketing é a veiculação de propaganda em outdoors espalhados pela cidade, em que você não consegue mensurar com precisão quantas pessoas de fato serão alcançadas pela sua mensagem nem se essas pessoas integravam o seu público alvo. Na internet, o mesmo marketing da esperança é visto no patrocínio indiscriminado de posts no facebook, no google adwords ou até na publicação de sites e blogs na “esperança” de que as pessoas encontrem a sua marca espontaneamente.
      Através do marketing estratégico, valendo-se das ferramentas que a era digital nos disponibiliza, você consegue atuar com maior controle e melhores resultados, direcionando sua ação a um público alvo específico, conhecendo-o melhor, interagindo com ele e até modelando as suas próximas ações de marketing conforme as reações apresentadas. É óbvio que também no marketing estratégico você tem a “esperança” de vender seu produto ou serviço, mas aí a esperança é a mesma do aluno que estudou para a prova e, apesar de não ter certeza de que vai gabaritar, quer tirar uma nota boa. Agradeço a sua participação. Fique à vontade também para assinar com o seu verdadeiro nome, como fazem todos que aqui escrevem (colunistas e leitores), já que procuramos manter um ambiente de respeito e incentivo à liberdade de expressão no nosso blog. Boas opiniões e ideias são sempre bem-vindas, mesmo que contrárias às nossas, e não temos o menor problema em admitir equívocos ou contradições devidamente demonstrados com honestidade e coragem por qualquer pessoa. Atenciosamente, Conrado

      • crypto four

        Prezado, agradeço a réplica e admito que o meu entendimento não foi adequado, frente ao esclarecimento sobre a expressão “marketing da esperança”. Acredito que tal possa ser facilmente percebido pelo protesto que originou a sua réplica. Fui um leitor desatento e me desculpo.

        Quanto ao meu nick e foto, deixo de seguir sua recomendação por constatar que minha opinião teve relevância, para o bem ou para o mal, por ela mesma e pela pouca praticidade em manter vários perfis diferentes para vários nichos de interesse diferente. Aliás também não vi sua foto ou nome em seu perfil, ou você se chama advogado no controle?

        Agradeço e desejo sucesso. Também me desculpo pelo eventual mal estar que possa ter causado.

        • http://advogadonocontrole.com.br/ Advogado no Controle

          Eu que agradeço a participação do amigo no blog. E a sugestão de escrever com nome e foto verdadeiros é para você se sentir à vontade aqui no Advogado no Controle de manifestar suas opiniões e idéias de forma franca, sem receios, pois discordâncias e críticas serão respondidas com a consideração que merece alguém que espontaneamente dedicou um tempo de sua vida para ler nosso trabalho. Por isso, damos uma atenção especial a cada leitor do blog e procuramos responder a todas as mensagens, sejam elas postadas aqui, no face ou enviadas por e-mail. Eu, apesar de agora escrever na conta do Advogado no Controle, sou o Conrado Machado, o editor do blog, e você pode ver minha foto e a dos meus sócios, o Francisco Hayashi e o Gustavo Costa Ferreira, na página inicial do site, no canto direito da tela. A de cada colunista está na barra lateral dos posts que escreveram. Que bom que a questão foi esclarecida e desejo sucesso ao amigo também. Abraço, Conrado Machado

  • Camila Berni

    Oi crypto four! Obrigada por sua contribuição. Tem razão, todo marketing é fundamentalmente de esperança, não existem garantias de nada no ambiente de negócios, em lugar algum. Entretanto, o texto se refere àquele soldado que, vendado, tenta acertar o inimigo, mantendo a “esperança de atingi-lo” sem nem ao menos saber de que lado ele está. O tiro sai, assim como as ações mencionadas no texto, mas as chances de acerto são remotas justamente por não se saber para onde a mira deve estar apontada. É nesse sentido a expressão “marketing de esperança”. Se o dever de casa for feito, com uma estratégia bem construída de posicionamento, o marketing tem mais chances de atingir o público ideal para o advogado e atrair cada vez mais clientes pautado na construção da referência. Usando outra analogia, o marketing é o telhado de uma casa. E não se inicia a sua construção por ele, certo? Um abraço!

    • crypto four

      Oi Camila. Sim, admito o meu erro. Fui um leitor descuidado. No momento da leitura estranhei a diferença de sensação que o seu texto provocou em mim em comparação aos demais lidos em seu blog, alguns até polêmicos. Mas não foi o seu texto, foi minha interpretação que se serviu de impressões falhas, talvez provocadas por sono ou outro incidente. Esclarecido tudo, admito o meu erro.

      Peço desculpas e aprecio o seu gesto de replicar de maneira tão elegante.

      Sucesso.

  • Thiago Gomes Calmon

    Conheço a Camila a alguns anos, mas nunca tinha parado para ler um artigo do começo ao fim. Peço desculpas e ao mesmo tempo elogio: Que linguagem magnífica e comunicativa! Parabéns. Quanto ao conteúdo, acredito no Marketing como forma única e exclusiva de combate ao imperialismo patriarcal brasileiro, e também como uma grande forma para competir com os grandes de igual para igual. Peço então, a Dra, que cite alguns exemplos de bom Marketing 🙂

    • http://advogadonocontrole.com.br/ Advogado no Controle

      Caro leitor e COLUNISTA Thiago Calmon, saber que o Advogado no Controle serviu de meio para você ter acesso ao conteúdo altamente qualificado da Camila Berni é motivo de grande satisfação para nós, pois nos dá a certeza da importância do trabalho que estamos desenvolvendo, de compartilhamento de conhecimento com os advogados brasileiros. Muito obrigado por seu comentário e já aproveito para informar os demais leitores do seu texto recém publicado no blog: http://advogadonocontrole.com.br/ingles-juridico-linguagem-contratual/. Um abraço, Conrado